Projetos - Banners

moodle icon Sitebotao

http://www.escolasdenisa.org.pt/images/desporto%20escolar.jpg

facebook

 

imagem6

 

 

 

Contador de Visitas

Localização

Excelência Académica e Mérito Cívico em Destaque

Dia do Diploma

O Agrupamento de Escolas de Nisa distinguiu na passada quinta-feira, 31 de outubro, no auditório do Cine-Teatro de Nisa, os alunos que se destacaram com as melhores notas e desempenho escolar no ano transato, com a entrega de um diploma de Excelência Académica.

Ao longo da cerimónia de reconhecimento, vários alunos do Agrupamento presentearam a plateia com várias atuações musicais, nomeadamente com a participação de uma ex-aluna, Joana Ferreira, através de um cover, com a Sociedade Musical Nisense e a Sociedade Filarmónica Alpalhoense dirigida por Filipe Barradas, a cargo do docente Tiago Forte uma música interpretada pelos alunos dos 5º e 6º anos e ainda de uma coreografia orientada pela docente Lurdes Vences.

Dos cerca de 200 alunos premiados, do 1º ao 12º ano, foram entregues Diplomas de diversas áreas, a destacar “Kanguru Matemático”, “Ser leitor é cool”, “Educação para a Saúde- Ser saudável”, “Solidariedade”, “Parlamento dos jovens”, “Bocia”, “Desporto Escolar” e “Alunos que terminaram o 12º ano”. No que concerne à Excelência Académica, foram premiados no 1º ciclo do Ensino Básico cinco alunos do 1º ano, 13 do 2º ano, sete do 3º ano e 12 do 4º ano.

No 2º e 3º ciclos destacaram-se 9 alunos do 5º ano, seis do 6º ano, quatro do 7º ano, quatro do 8º ano e três do 9º ano. Quanto ao Ensino Secundário, foram distinguidos três alunos do 10º ano de Ciências e Tecnologias, três alunos de Humanidades, ainda um aluno de 11º ano e três do 12º ano.

Neste evento, que contou com a presença de toda a comunidade escolar, marcaram também presença os Vereadores da Câmara Municipal de Nisa, José Leandro Semedo e Lurdes Vilela.

O Diretor do Agrupamento de Escolas de Nisa, António Trigueiros, realçou que esta cerimónia premeia “a educação, empenho, estudo e brio dos alunos, um trabalho que é reconhecido por todos nós”. António Trigueiros acrescentou também que “a família é a primeira escola”, e, como tal, felicitou todos pelo esforço feito e agora, reconhecido.

Ver fotos

 

Selo Escola Saudável

Atribuição de prémio

O Agrupamento de Escolas de Nisa, no dia 27 de Setembro de 2019, foi agraciado com o nível intermédio do Selo Escola Saudável, o qual foi recebido pelo Diretor do Agrupamento António Trigueiros, tendo a cerimonia decorrido na Escola Secundária D. Pedro V, em Lisboa.
O Selo visa a partilha de boas práticas no âmbito da Saúde, conducente na promoção do Bem Estar e da Comunidade Educativa e é um reconhecimento das práticas relacionadas com a Saúde.
O Selo Escola Saudável tem como objetivos a promoção de atitudes e valores que suportem comportamentos saudáveis, aumentam a literacia para a saúde, valorizam os comportamentos que conduzam a estilos de vida saudáveis, desenvolvem competências sociais e emocionais, bem como desenvolvem uma consciência e atitude de cidadão consciente e participativo.
A atribuição deste Selo traduz-se na atribuição de cerca de 500 euros, destinado ao projeto Educação para a Saúde (PES).

Fotos

Agrupamento de Escolas de Nisa vence Prémio Escolar AEPC 2019 na vertente redes sociais

Uma realidade, várias perspetivas, 3º ciclo – Equipa vencedora a caminho de Bruxelas

É com muito orgulho que anunciamos que o projeto “Uma realidade, várias perspetivas” foi um dos vencedores do Prémio Escolar Ano Europeu do Património Cultural 2019 relativamente ao 3º ciclo.

Este concurso contou com 52 candidaturas e visa promover o conhecimento do património cultural europeu nas suas múltiplas dimensões e mutações, dinamizando iniciativas que garantam a sua sustentabilidade, proteção e diálogo entre diferentes realidades culturais. Trata-se uma iniciativa do Coordenador Nacional do AEPC 2018, em parceria com o Centro de Investigação para as Tecnologias Interativas (CITI-UNL) e com o Centro de Informação Europeia Jacques Delors (CIEJD), Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE)

Além do projeto vencedor, participámos com os projetos Expressa-te (3º ciclo), Tradição, Património e Valores (Secundário) e Salut, l´Europe (Secundário). Este último projeto ficou em 2º lugar na vertente redes sociais.

O Agrupamento agradece a todos elementos envolvidos – alunos, docentes, discentes, familiares e amigos - na concepção, desenvolvimento e promoção dos projetos.

A listagem dos projetos vencedores e das mencões honrosas está disponível em http://peaepc.citi.pt/

Entrega do Prémio Escolar AEPC em cerimónia pública na Fundação Calouste Gulbenkian

Alunos do 3º Ciclo do Agrupamento de Escolas de Nisa viajam até Bruxelas.

Alunos do Agrupamento de Escolas de Nisa venceram o Prémio Escolar do Ano Europeu do Património Cultural – 3º ciclo, na vertente redes sociais - e, a 14 de junho, com os vencedores das outras escolas, foram recebidos na Fundação Calouste Gulbenkian pelo Dr. Guilherme d’Oliveira Martins (administrador Executivo da Fundação Calouste Gulbenkian), pela Drª Isabel Alçada (escritora) e pela Drª Manuela Silva (coordenadora nacional de Rede de Bibliotecas Escolares).

A edição de 2019 do Prémio Escolar AEPC, continua a dar relevo à divulgação do Património Cultural Europeu nas escolas. Trata-se de uma iniciativa do Coordenador Nacional do AEPC, em parceria com o Centro de Investigação para Tecnologias Interativas (CITI-UNL) e Centro de Informação Europeia Jacques Delors (CIEJD), Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE), que conta com a participação das seguintes entidades: Ministério da Educação, Ministério da Cultura, Fundação Calouste Gulbenkian, Plano Nacional de Leitura 2027, Rede de Bibliotecas Escolares e Representação da Comissão Europeia em Portugal.

 

Fotos

Alunos do 1º Ciclo Comemoram Tradições

Arraial de Santo António

Dia 13 de junho de 2019, no espaço exterior do 1º Ciclo, envolvendo as seis turmas do 1º Ciclo de Nisa, com orientação e dinamização das técnicas do Projecto +Sucesso Escolar, celebra-se o dia de Santo António.

Iremos realizar um arraial de Santo António, onde os alunos vão fazer o seu próprio manjerico e uma quadra alusiva aos Santos Populares.

O manjerico exibe o elo entre o lado casamenteiro de António de Pádua e a celebração da cor e da abundância. A tradição original dizia que cada homem deveria oferecer um manjerico à sua amada ou pretendente, juntamente com uma quadra de amor.

Pretende-se promover e desenvolver, em conjunto com os alunos, as histórias e tradições alusivas a este dia, viver e partilhar as tradições dos arraiais dos Santos Populares.

Ver cartaz